06/10/2022

Maçons progressistas repudiam a exposição da Maçonaria


Aos Grão Mestres do GOB, dos Grandes Orientes Independentes da COMAB, da CMSB e Líderes dos Corpos Filosóficos dos Ritos Maçônicos do Brasil

A Irmandade Progressista é um coletivo de Maçons, progressista e evolucionista, que prima pela defesa obstinada dos princípios da Maçonaria. Em especial pela defesa da Liberdade, da Igualdade e da Fraternidade.

Condenamos enfaticamente a intransigência, o sectarismo político e religioso, a superstição, a tirania e a ignorância. Defendemos a liberdade de expressão e combatemos o uso da violência, de qualquer tipo, para a consecução de nossos objetivos. Não aceitaremos ou deixaremos de enfrentar o que consideramos ferir os princípios de nossa Ordem, pois segui-los é o que nos faz ser Maçons.

Sem nenhum tipo de resistência ou discordância, nasceu no seio de Lojas Maçônicas uma crescente onda de desrespeito à ordem jurídica do País, clamando por rupturas institucionais que pediam inclusive o fechamento de um dos Três Poderes e a instalação arbitrária de um regime de exceção. Cerimônias maçônicas públicas foram filmadas, nas quais políticos profanos de apenas um determinado campo político faziam discursos extremistas que condizem com apenas uma das múltiplas opiniões que a democracia brasileira reúne.

Como essas mesmas Lojas não se abriram à pluralidade para ouvirem outras vozes, isso resultou na associação que a Ordem como um todo assumiu uma posição político-partidária em favor de um dos lados em disputa no segundo turno das eleições de 2022, contrariando a própria Lei Maçônica. Essas imagens foram descontextualizadas e geraram uma desnecessária exposição pública da Ordem, fazendo vir à tona algumas das mais abomináveis páginas da História, com discursos de grupos fundamentalistas religiosos que há séculos acusam a Maçonaria de satanismo e outras aberrações.

A Irmandade Progressista entende que a permissão e o incentivo à discussão de política partidária profana em Lojas e Templos maçônicos, com o uso excessivo e ostensivo destes para realização de cerimônias públicas pode ser tida como a principal responsável pela execração que a maçonaria vem sofrendo na atual conjuntura.

A associação da maçonaria a religiosos sectários e fundamentalistas, e o abrigo dado em seus templos a cerimônias públicas com presença de candidatos de um único espectro político extremista, deixando de ouvir todos os outros pontos de vistas que subsistem em nosso regime democrático, fere os princípios da isonomia e da igualdade no seio da maçonaria. Isso resultou na rejeição que a Ordem vem sofrendo perante a sociedade.

Temos percebido tolerância com as transgressões aos princípios maçônicos históricos, bem como uma inação em coibi-las. A Irmandade Progressista, já vislumbrando o mal que essas transgressões trariam à Maçonaria Brasileira, tem debatido democraticamente o resgate dos legítimos princípios maçônicos, de forma que a maçonaria volte a ser a instituição respeitada e honrada que sempre foi. Em face disso, vem cobrando que os maçons do Brasil façam uma profunda reflexão, e vejam para onde estamos deixando caminhar a maçonaria em face do afastamento dos princípios da Ordem.

Por fim, a Irmandade Progressista pede uma atuação mais ativa e efetiva dos senhores Grão Mestres, Soberanos Grandes Comendadores, Dirigentes de Lojas e Altos Corpos, Legisladores, Procuradores de Justiça e Juízes Maçônicos. Que coloquem em prática as medidas legais cabíveis para coibir a utilização dos Templos Maçônicos do Brasil para atividades político-partidárias de uma única ideologia, e caso o façam, que se abram à pluralidade de vozes, bem como que façam cumprir as leis, normas e princípios históricos da Maçonaria, de modo a manter o bom nome e a reputação da Ordem imune a ataques extremistas seja de que lado vierem.


Brasil, 6 de outubro de 2022 (E∴V∴)

 

Versão em PDF deste documento



 


 


O texto
"MAÇONS PROGRESSISTAS REPUDIAM A EXPOSIÇÃO DA MAÇONARIA", produzido pela Irmandade Progressista <www.irmandadeprogressista.org>, está licenciado com uma Licença Creative Commons – Atribuição – Não Comercial – Sem Derivações 4.0 Internacional <https://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/deed.pt_BR>. O trabalho está disponível em:

http://www.irmandadeprogressista.org/2022/10/repudio-exposicao-maconaria.html

Este texto pode ser compartilhado e redistribuído em qualquer suporte ou formato. Porém, não pode ser alterado, e deve ser mantida a referência à Irmandade Progressista e ao link de origem.

Sugestão para citação:

IRMANDADE PROGRESSISTA. Maçons progressistas repudiam a exposição da Maçonaria. Irmandade Progressista: 06 out. 2022. Disponível em: http://www.irmandadeprogressista.org/2022/10/repudio-exposicao-maconaria.html. Acesso em: 06 out. 2022.

Roda de Conversa com Mauro Tippi - Um projeto filosófico para o Rito Brasileiro

Início em 25/04/2024, quinta, às 19h30 Clique aqui para participar A IRMANDADE PROGRESSISTA CONVIDA PARA RODA DE CONVERSA Um Projeto Filosóf...